Archive for the ‘Cartaz’ Category

©ProtestoGráfico

Passando a blogosfera em revista, deparei com este post dos Precários Inflexíveis, sobre a ameaça velada de algum patronato sobre os que pretendem fazer greve no dia 24 de Novembro. A adesão a uma greve deve ser uma decisão livre de cada um. Assim como não acredito em piquetes para obrigar a fazer greve quem não quer, também não simpatizo com situações de chantagem sobre quem quer fazer. Por isso, esbocei este cartaz/ panfleto para quem quiser divulgar…

Não basta estarmos sujeitos à subjectividade inerente a ser avaliados pelos nossos pares. A questão das cotas continua a minar o pouco que resta da credibilidade deste sistema dito de avaliação docente. Então não é que um professor, por pertencer a uma qualquer comissão de avaliação ou por ser avaliador tem uma quota específica? Isto para não falar nos membros da direcção… Foi um fartar vilanagem de Muito Bons, mesmo para aqueles que não tiveram aulas assistidas e portanto não foram avaliados na componente científico-pedagógica. Haja coragem para combater isto porque vergonha não há nenhuma!

Descarregar o cartaz aqui

Texto de um artigo publicado no blogue da APEDE sob a forma de um cartaz para descarregar e afixar na sala dos professores…

©ProtestoGráfico

Dia dezanove de Setembro não vou ficar em casa. Cheguei a pensar ficar quietinho até ao desenlace das eleições. Pensando bem, essa opção que poderia ser justificada pelo desgaste e/ou pela necessária poupança de energia agora que estamos com mais um ano lectivo à porta, não serve. Entendo que muito do que aconteceu nesta legislatura em matéria de achincalhamento da classe docente e destruição de uma certa ideia de escola pública aconteceu justamente devido ao nosso comodismo e a uma confiança excessiva na reactividade dos sindicados. (mais…)

NedaMartir

©ProtestoGráfico

Não há desculpa para uma autoridade que permita que se atire a matar sobre manifestantes desarmados. A morte é sempre um acontecimento altamente lamentável e quantas não acontecem às escondidas do mundo, sem ninguém para lhes fazer justiça ou sequer para as lamentar. A morte da jovem iraniana Neda Soltan foi, no entanto, pública e brutal. Abatida a tiro durante uma manifestação de protesto contra os resultados eleitorais no Irão, a morte filmada em directo (as imagens são impressionantes pelo que os mais sensíveis devem abster-se) transformou-se  numa acha de revolta contra o estado de coisas naquele país.

Fica aqui, sob a forma deste cartaz, o meu modesto contributo para que a morte de Neda Soltan não seja facilmente esquecida e reforçar o meu desejo de que, pelo menos, não tenho sido em vão.

Mais informação aqui (em inglês), aqui e aqui

30Maio2009

©ProtestoGráfico

Vão reservando na vossa agenda. Existiriam com certeza melhores formas de prosseguir a contestação às indiscritíveis políticas e atitudes desta trupe governamental. Mas deveremos nós professores ficar em casa de braços caídos em lamentação? Diabo… Não!! 

Sábado 30/5, lá estaremos outra vez pelas bandas do Marquês…

Cartaz 30Maio em pdf

1encontronpl

©ProtestoGráfico

No dia 14 de Março, movimentos de professores que incluem a APEDE, o MUP, o MEP, o PROMOVA e a CDEP vão promover em Leiria um Encontro Nacional de Professores em Luta. O Encontro decorrerá no Teatro José Lúcio da Silva, na zona central de Leiria, entre as 10 e as 17 horas.

Será uma ocasião para os professores que têm resistido nas escolas se encontrarem e discutirem o rumo que tencionam dar a um combate que é de todos nós.
Precisamos de saber como dar força e orientação à luta judicial que está agora a ter início.
Precisamos de reflectir, em conjunto, sobre as formas de luta a desenvolver até ao final do ano lectivo.
Precisamos de ponderar a melhor forma de recuperar o espírito de unidade entre os professores.
Para isso, CONTAMOS COM A PARTICIPAÇÃO DE TODOS.
Com um abraço,

Mário Machaqueiro (pela Direcção da APEDE)

Cartaz A4 em formato pdf

Cartaz A3 em formato pdf